Você quer viver para sempre?



O que é este site



Dizem que “a morte é a única certeza da vida”. Mas será mesmo? Há inúmeros exemplos de certezas absolutas que se mostraram absurdas ao longo da história. E recentemente, cientistas, grandes pensadores e empresas como o Google vêm trabalhando para colocar em xeque a “única certeza da vida”. Eles realmente não aceitam a morte e estão lutando para prolongar o máximo suas vidas. A ciência já demonstrou que muitos hábitos e alguns medicamentos estendem a vida dos seres humanos. Muitos outros medicamentos e tratamentos já estão a caminho. Então por que precisamos aceitar viver somente 70 anos, quando há tantas coisas... [Leia mais...]




Google poderia realmente descobrir a fonte da juventude?

Subsidiária de biotecnologia do Google, a Calico poderia desenvolver uma gama de medicamentos com foco em fatores que limitam o tempo de vida. Mas vai realmente vencer a mortalidade? Não espere por isso.



É uma questão antiga. Será que a humanidade algum dia triunfará sobre a velhice?

Faça essa pergunta a uma gigante de buscas de $ 410 bilhões de dólares, a Google, e você vai ouvir que é possível. Na verdade, na sopa de letrinhas de reorganização do Google, sua nova companhia, a Alphabet, será em breve gestora da Calico, uma empresa de biotecnologia com o objetivo explícito de derrotar a velhice.

As grandes apostas da Google são bem conhecidas - especialmente por a empresa muitas vezes desafiar as probabilidades e sair bem-sucedida. Mas aqui nós não estamos falando sobre a criação de carros que dirigem sozinhos, ou de traduzir a web para 64 idiomas. Estamos falando de prolongar a vida humana indefinidamente. Desafiar a morte. Enquanto muitas empresas estão focadas em doenças, praticamente ninguém está tentando atingir a degradação celular envolvida no envelhecimento, o que causa muitas doenças, e, eventualmente, a morte.

Exceto a Calico. Como a revista Time apontou, quando o CEO do Google, Larry Page, anunciou a formação da subsidiária, a Calico espera "curar a morte."

Com esse tipo de objetivo, sou tentada a dizer que a próxima parada para a Google é a Twilight Zone, o ponto intangível do filme “Além da Imaginação”, de 1959. Mas, não tão rápido. A Google tem alguns dos bolsos mais fundos do planeta; com o seu apoio financeiro, bem como uma vasta gama de tecnologias e recursos criativos por trás dela, poderia a empresa fazer isso realmente acontecer?

Como a Google planeja estender sua vida

A Google lançou a Calico colocando à frente do projeto o presidente da Apple, Art Levinson, como seu CEO e fundador-investidor. Mesmo Tim Cook deu apoio à ideia. "Para muitos de nossos amigos e familiares a vida foi interrompida; e há muitos que têm de conviver com uma qualidade de vida muitas vezes baixa", disse ele. O CEO da Apple descreveu Levinson como "um dos que mais acreditam que as coisas realmente não precisam ser assim".

O lendário Levinson é também ex-CEO da Genentech. Recentemente, ele tem estendido os tentáculos da Calico a organizações de pesquisa de alto nível e à criação de uma longa linha de colaboradores. O mais notável é um importante acordo com a Abbvie. Sob o acordo, as duas empresas vão coinvestir até US$ 1,5 bilhão e compartilhar custos e lucros de forma igual para todos os medicamentos desenvolvidos.

A Calico também tem colaborado para o desenvolvimento de uma droga que reanima músculos e cérebros envelhecidos, descoberta por pesquisadores da Universidade Berkeley. "Nós descobrimos que você pode usar uma única pequena molécula para recuperar a função essencial não só do tecido cerebral danificado com a idade, mas também de músculos envelhecidos", disse o Dr. David Schaffer, professor de engenharia biomolecular que conduz a investigação. Pesquisadores de Berkeley também observaram que este é apenas um primeiro passo em direção a uma terapia.

Em abril, a Calico também iniciou uma parceria com a Universidade de São Francisco. A empresa está pagando uma quantia não revelada por alguns direitos (também não revelados) para pesquisa sobre como as células funcionam sob estresse. A esperança é desenvolver uma nova maneira de proteger-se contra o declínio cognitivo relacionado ao envelhecimento.

Por que algumas pessoas na casa dos 90 anos permanecem fortes e saudáveis?

Dê um passo atrás, e você vai ver por que a Google está tão profundamente interessada na pesquisa sobre o prolongamento da vida. A investigação sobre saúde, longevidade e doenças é cada vez maior dentro da genética, e a genética torna-se cada vez uma questão de poder computacional e uma máquina de aprendizagem.

O cruzamento de dados sustenta todos os interesses divergentes da Google, uma vez que a gigante das buscas pode rapidamente agregar valor à investigação. Para ajudar a aplicar o Big Data ao envelhecimento, a Google teve recentemente acesso a dados do Ancestry.com para localizar causas genéticas da longevidade. O Ancestry.com é um sistema de árvore genealógica que vende kits de testes de DNA. Ao investigar dados de milhões de árvores genealógicas, a Calico espera encontrar as razões por trás dos vãos de uma vida longa e descobrir novos alvos para medicamentos.

O próximo passo é o cruzamento de dados em nuvem. A Google fez uma parceria com o MIT e a Universidade Harvard para criar uma ferramenta de análise de genoma baseada em nuvem de informações. Através de extensões para o Google Cloud Platform, os pesquisadores podem não só encontrar potenciais pistas para o envelhecimento, mas também criar planos mais personalizados de cuidados com a saúde, adaptados com base no DNA do indivíduo.

No momento, é muito mais fácil gerar dados genômicos do que transformá-los em informações que podem melhorar a saúde humana. Mas através da Cloud Platform, da Google, mais de 1,4 milhões de amostras de DNA já foram sequenciados. O objetivo a longo prazo é ajudar a comunidade científica para potencialmente armazenar, acessar e processar o banco de dados genômico de várias populações.

Enquanto a Calico tem sido rápida em reconhecer novas colaborações com cientistas e instituições, não revelou quase nada de seus detalhes financeiros. Na verdade, muito do funcionamento da empresa está sendo mantido em sigilo, de acordo com a Fierce Biotech Research. "Os executivos dentro da empresa têm permanecido notoriamente de boca fechada, recusando convites para entrevistas", relatou o site.

Para a viagem

Começando pela Q4, a Google irá reportar resultados financeiros da sua sede separados dos das empresas restantes da Alphabet. A mudança vai oferecer aos investidores mais detalhes sobre os gastos da Google em seus vários negócios.
Alguns destes projetos estão condenados ao fracasso. E uma vez que os investidores da Google costumam ser mais práticos, eles podem retirar seus forcados de cima dos negócios e fazer com que os gestores parem de jogar tantos baldes de dinheiro em pesquisas rebuscadas.

No caso da Calico, o CEO Art Levinson não está de todo preocupado com a possibilidade de perder sua torre de marfim. Como ele disse a Mathew Herper, da Forbes, "todos os envolvidos compreendem a natureza de longo prazo deste negócio." Levinson acrescentou que os objetivos finais da empresa, necessariamente distantes no futuro, não vão mudar.

Nenhuma bala mágica irá prolongar a vida. Mas a Calico é um nome altamente intrigante no qual prestar atenção na área da biotecnologia. Enquanto não é publicamente negociada no momento (e talvez nunca seja), se a Google queria lucrar a curto prazo, a reorganização da Alphabet poderia facilitar sua transformação em subempresa. Eu duvido que isso vai acontecer, mas olhe para a oferta pública inicial bilionária da NantKwest, feita por Patrick Soon-Shiong. A NantKwest teve a maior oferta pública inicial de biotecnologia em 10 anos, com um valor de mercado inicial de US $ 2,6 bilhões.

Enquanto isso, uma vez que todos nós estamos envelhecendo, há pelo menos uma chance de nos beneficiarmos de quaisquer descobertas feitas ou de quaisquer terapias que resultem eventualmente. A Calico irá encontrar a chave para a longevidade? É um pensamento sedutor, mas também é uma incógnita. Uma coisa parece certa: com a Google assinando os cheques, e a mente brilhante de Levinson conduzindo o navio, a Calico vai gerar tsunamis no mundo da biotecnologia, não importa o que venha dela.

Artigo de Cheryl Swanson, originalmente publicado em Fool.com.

0 comentários:

Postar um comentário